in

Cão que fugiu para voltar a morar em antiga casa demolida é resgatado de palafitas; assista | Santos e Região


O cãozinho Snoopy, que mobilizou moradores de uma comunidade de Cubatão (SP), após fugir do novo dono para voltar a morar na antiga casa demolida, foi resgatado das palafitas na tarde deste sábado (9). O animal morava há cinco meses nos escombros da residência, em situação precária. O vídeo obtido pelo G1 neste domingo (10), mostra o cão sendo resgatado (veja acima).

O protetor animal Carlos Eduardo Barbosa, de 45 anos, realizou o resgate, e conta que Snoopy tinha muita desconfiança. Ele ficava na comunidade Vila Esperança, nas palafitas do beco Caminho Rio de Janeiro, e estava em baixo de um dos escombros quando o protetor foi buscá-lo.

“Ele tem uma história muito sofrida. Geralmente, levamos uma ou duas horas para conseguir pegar o animal, mas com ele demoramos umas quatro horas. Já fiz milhares de resgates, e nunca senti uma energia tão boa, foi ganhando na confiança”, declarou o protetor.

Depois de horas oferecendo comida, Carlos Eduardo conseguiu se aproximar, e alcançar Snoopy. “Ele praticamente pulou no meu colo”, brinca o protetor. O cãozinho vai passar por uma bateria de exames, e receber tratamento para alguns problemas de sarna. Apesar disso, ele não sofre com desnutrição.

O cão foi resgatado na comunidade de palafitas que fica na Vila Esperança, Cubatão (SP) — Foto: Arquivo Pessoal/ Carlos Eduardo Barbosa

O cão foi resgatado na comunidade de palafitas que fica na Vila Esperança, Cubatão (SP) — Foto: Arquivo Pessoal/ Carlos Eduardo Barbosa

Snoopy, que foi deixado com um novo dono pela família que se mudou e não levou ele, passou cinco meses na antiga casa. O cão recebia ajuda de moradores que se mobilizaram para encontrar um novo lar para ele. O técnico de lubrificação Uélton de Andrade, e a dona de casa Kamila Gonçalves Dias, compartilharam as fotos nas redes sociais e começaram uma campanha, para ajudar o animal que vivia de forma precária.

O técnico Uélton, foi quem ajudou Carlos Eduardo a chegar perto de Snoopy e conseguir resgatá-lo. Para o protetor, as atitudes deles podem ter salvado o animal, que já tinha caído na maré alta e quase foi levado pela água há algumas semanas. “O que é mais importante é que a partir das fotos, vídeos e publicações que eles fizeram, o caso se tornou público”, explica o protetor.

A busca de um novo lar está próxima já que, após os cuidados, Snoopy ficará disponível para adoção. Mas, com a história do animal, o protetor conta que a lista já é grande. “Ele tem dezenas de adotantes, muita gente que quer ficar com ele. Vamos escolher muito bem, porque queremos uma família que supra todo o tempo de amor que ele não teve”, completa.

Snoopy precisou ser resgatado durante um dia de maré alta — Foto: Arquivo PessoalSnoopy precisou ser resgatado durante um dia de maré alta — Foto: Arquivo Pessoal

Snoopy precisou ser resgatado durante um dia de maré alta — Foto: Arquivo Pessoal

Publicação foi feita em um grupo fechado, para tentar um novo lar para o cão — Foto: Arquivo PessoalPublicação foi feita em um grupo fechado, para tentar um novo lar para o cão — Foto: Arquivo Pessoal

Publicação foi feita em um grupo fechado, para tentar um novo lar para o cão — Foto: Arquivo Pessoal



Ir para fonte da informação